Escola Carneiro de Freitas, em Peri-mirim, desenvolve projeto Feira Junina.

O Brasil é um país rico em acervo cultural, e é de grande importância conhecê-lo, para que possamos compor a identidade de nosso povo.Pensando nisso, a Escola Carneiro de Freitas, sede de Peri-Mirim apresentou por meio de um projeto uma Feira Junina. Afinal, através das manifestações culturais é que mantemos vivas as tradições e costumes de um povo, preservando deste modo, sua identidade para as gerações que virão.A Feira Junina é uma das ações do Projeto do Centenário de Peri-Mirim, que visa o resgate das tradições juninas numa perspectiva pedagógica e cultural.OBJETIVO:
Resgatar e valorizar a festa tradicional de São João as influências
dos diversos povos, possibilitando assim, o desenvolvimento de
estratégias globalizadoras dos conhecimentos mediante o tratamento
da informação, enfatizando ainda as comidas típicas, jogos e tradições folclóricas da cidade de Peri-Mirim.

Ministério Público em parceria com a SEMED de Bacurituba lançam projeto Ler, Escrever e Pensar.

Na tarde desta terça-feira(25) no ginásio poliesportivo da Escola Camélia Farias na sede do Munícipio de Bacurituba, houve o lançamento do Projeto Ler, Escrever e Pensar.

Em Parceria com o MP e a SEMED de Bacurituba, o projeto visa contribuir com a melhoria do processo educativo e da qualidade de vida dos cidadãos bacuritubenses.

Enquanto sujeito de direitos e obrigações, o homem deve ter consciência do seu papel no mundo e da sua importância política, inclusive visando a garantia, pelos poderes públicos constituídos e pela sociedade civil organizada, de sua efetiva participação nas decisões e atuações do Estado, isto como forma de exercitar sua cidadania e de buscar sua evolução enquanto ser humano e social.

Nesse contexto, a mais abrangente, efetiva e eficaz forma de propiciar conscientização, integração e participação se dá através da educação geral e da conscientização política, adquiridas através de meios que levem ao homem o conhecimento, nas mais diferentes áreas e da forma mais ampla possível.

Atualmente um dos maiores desafios sociais é a busca da efetivação de políticas públicas includentes na área da educação, objetivando sempre o resgate e a valorização do ser humano enquanto ser político que é.

Assim, a educação há de abarcar, de forma global, todos os agentes envolvidos na teia do desenvolvimento de uma sociedade e visar transformá-los em agentes multiplicadores do conhecimento, em prol do seu próprio desenvolvimento, nos mais amplos aspectos.

A defesa deste ideal implica garantir a efetivação de dois fundamentos do Estado Brasileiro, elencados no art. 1º, II e III, da Constituição da República de 1988, verbis:

Art. 1º – A República Federativa do Brasil, formada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constitui-se em Estado Democrático de Direito e tem como fundamentos:

II – a cidadania;

III – a dignidade da pessoa humana;

O texto constitucional também acentua, no art. 205, que a educação é um direito social e sua efetivação implica atuação corresponsável da sociedade, da família e do Estado, in litteris:

Art. 205 – A educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será promovida e incentivada com a colaboração da sociedade, visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho.

Expostos referidos preceitos constitucionais, é de se constatar a necessidade premente de que sejam adotadas medidas de inserção da comunidade como um todo no processo educativo, inclusive político, de modo a viabilizar seu próprio progresso cultural e social, amplamente considerados.

Assim, as ações do Ministério Público do Maranhão abarcam inclusive a educação política, também através de sucessivas campanhas objetivando dotar o cidadão maranhense dos necessários esclarecimentos, informação, e conscientização que lhe possibilitem atuar de forma consciente, como protagonista que é das ações que visem ao interesse público, inclusive dotando-o de condições de fazer a melhor escolha quando da seleção de um candidato a cargo público através do voto.

O cidadão precisa conhecer do que resulta e como acontece a corrupção, saber o que pode advir da sua escolha, das consequências do seu voto, saber o quanto é importante a decisão de cada um para o futuro do Município, do Estado e do País, da Nação Brasileira, enfim.

Nesse diapasão a leitura minudente de obra literária que eduque, informe e instigue a busca pelo conhecimento, e o debate, inclusive sobre a própria conduta do leitor e sua família, levará o público-alvo do projeto a buscar transformar a sua realidade, sua forma de pensar e agir politicamente, também a partir do conhecimento sobre como ocorrem os tratos e distratos envolvendo as questões de interesse público entre aqueles em quem depositamos nossa confiança e nosso voto, com o objetivo último de que se alcance a transformação social, a partir da conscientização que se dê em todos os lares, com a multiplicação do conhecimento pelos estudantes abarcados diretamente envolvidos.

Estas as razões que levam o Ministério Público a executar o Projeto Ler, Escrever e Pensar, ciente do seu papel e consciente da necessidade de atuar buscando esse ideal de informação, educação e conscientização política, com o objetivo último de tornar o cidadão de um ator mais consciente do papel que desempenha no cenário de sua própria história.

MP recomenda que em 90 dias a Prefeitura de Bequimão resolva problemas com o Sistema de Abastecimento de água no município.

Promotoria de Bequimão

Em razão de diversas irregularidades no sistema de abastecimento de água do Município de Bequimão, o Ministério Público do Maranhão expediu, em 11 de junho, Recomendação ao prefeito e ao secretário Municipal de Saúde para a adoção, no prazo de 90 dias, de várias providências com o objetivo de solucionar os problemas. A manifestação ministerial foi assinada pela promotora de justiça Raquel Madeira Reis.

Entre as medidas recomendadas estão: exercer a vigilância e inspecionar o controle da qualidade da água para consumo humano distribuída na cidade e as práticas operacionais adotadas no sistema; manter articulação com as entidades de regulação quando detectadas falhas na qualidade dos serviços de abastecimento e garantir informações à população sobre a qualidade da água e os riscos à saúde associados.

Outras providências indicadas são: encaminhar ao responsável pelo sistema informações sobre surtos e problemas de saúde relacionados à qualidade da água; promover a limpeza dos locais de captação de água e na estação de tratamento de água, bem como das etapas de reservação e de distribuição; melhorar a estrutura da estação; contratar profissional químico e realizar a desinfecção no sistema de abastecimento de água

No prazo de 30 dias, a Promotoria de Justiça da Comarca de Bequimão deve ser informada sobre as providências adotadas. Em caso de descumprimento, o MPMA poderá adotar medidas administrativas e ações judiciais cabíveis.

A Recomendação foi motivada por um relatório de inspeção da Vigilância Sanitária Estadual que constatou, entre outras irregularidades, a precariedade interna da Estação de Tratamento de Esgoto; erros na aplicação de produtos químicos (não existe responsável técnico pela elaboração do tratamento da água); processo de captação inadequado; presença de coliformes fecais e de partículas de areia fina, argila e micro-organismos na água.

Redação: CCOM-MPMA

Polícia Militar de Bequimão recupera 02 motos roubadas .

PM de Bequimão recupera duas motos roubadas.

A PM de Bequimão sob o comando do Sgt Alan recuperou duas motos na tarde de hoje 17/06. Chegou ao conhecimento da polícia militar que haveria duas motos abandonadas dentro do mato na estrada do povoado Rio Grande dentro da solta de Zé Mingal.

Que a PM logo deslocou ao local e após enfrentar um caminho alagado e de difícil acesso, conseguiu localizar as duas motos.

Uma moto CG TITAN 160, de cor preta que teria sido tomada de assalto dia 09/06 na estrada do Quidiua. E uma CG TITAN 150 vermelha que foi tomada de assalto ontem dia 16/06 no povoado areal.

A Polícia agora trabalha com intuito de identificar e prender os elementos que estão realizando esses assaltos. As motos foram encaminhadas para a delegacia de polícia para que seja feito todos os procedimentos administrativos.

Polícia Militar prende homem por porte ilegal de arma em bar da cidade de Bequimão.

Na tarde de ontem(15), por volta das 17h, a Polícia Militar de Bequimão, no comando do Sgt PM Allan Ribeiro, em uma de suas rondas e abordagens de rotina na cidade de Bequimão, realizou uma abordagem em um bar no ramal de Bequimão e encontrou o elemento Francinaldo Costa, vulgo (Valdo). Este é morador da cidade de Peri-Mirim, o mesmo estava portando um revólver calibre 38 totalmente carregado e a quantia de R$1.207,00.

Ao ser abordado pelos Policiais, o mesmo não soube explicar a origem do dinheiro, e também não soube explicar o motivo pelo qual estava armado.

A Polícia Militar deu voz de prisão ao indivíduo e o conduziu para a Delegacia Regional de Pinheiro para sejam tomadas as devidas providências legais.

Fonte: PM-Bequimão.

Coordenação Municipal do SEAMA realiza formação para Gestores em Bacurituba.

Ocorreu hoje(5), na Escola Galdina Serrão, a formação dos Coordenadores Municipais do SEAMA em Bacurituba.

Na oportunidade a Coordenadora Municipal do SEAMA em Bacurituba, Prof. Maria das Neves, repassou todo o processo formativo sobre o programa.

Após os devidos esclarecimentos sobre a metodologia de aplicação das provas do SEAMA que serão nos dias 11 e 12 de mês junho. Os Gestores Escolares receberam os pacotes contendo os cadernos de provas e fichas de informação.

Participaram desta formação os gestores das escolas da rede Municipal de Bacurituba que irão participar das avaliações do SEAMA.

Escola Municipal Miguel Arcângelo Mendes – provas com alunos do 5° e 9° ano

Escola de Ensino Fundamental Professora Camélia Farias Dias – provas do 9° ano

Escola Municipal José Carneiro Dias Vieira – provas com alunos 5° ano

Unidade Integrada Galdina Serrão- provas com alunos do 5° ano.

O que é o SEAMA?

O Maranhão está entre os estados brasileiros que possuem sistema próprio de avaliação educacional. Trata-se do Sistema Estadual de Avaliação do Maranhão (Seama), criado pelo Governo do Estado, no âmbito da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), como política de acompanhamento das escolas, seus indicadores educacionais e melhoria na aprendizagem dos estudantes maranhenses.

Inédito no Maranhão, o sistema permitirá estabelecer o índice próprio do estado, contribuindo para a melhor definição das metas conforme as redes; acompanhamento dos resultados dos estudantes no decorrer do ano; análise da prática avaliativa desenvolvida nas escolas (por meio da compatibilização dos resultados nos simulados e nas atividades de sala de aula), entre outros avanços.

O Seama também representa um reforço às ações de colaboração com os municípios, por meio do Pacto pela Aprendizagem, lançado pelo governador Flávio Dino no início deste ano e integra, também, o Programa Escola Digna.

“Muitos estados que avançaram nos indicadores educacionais já possuem sistemas próprios de avaliação. Ter um sistema próprio é importante para os estudantes, para os gestores escolares e dirigentes de educação. Por isso, a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) é parceria do Estado neste processo. Será um ganho importante para que o Maranhão cresça ainda mais em qualidade, que é a determinação do governador Flávio Dino, uma educação pública de qualidade social”, enfatizou a secretária adjunta da Seduc, Nádya Dutra.

Aplicação

Everton Vieira Ribeiro, coordenador municipal de Carutapera

Everton Vieira Ribeiro, coordenador municipal de Carutapera

A primeira avalição do Seama será aplicada nos próximos dias 11 e 12 junho para estudantes dos 5° e 9° anos do Ensino Fundamental das redes municipais e estadual, e do 3° ano do Ensino Médio, da rede estadual. O sistema será trabalhando de forma conjunta com a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), por meio do CAED, referência em avaliação educacional no país.

Nesta quarta-feira (29), o governo reuniu, no auditório do Convento das Mercês, secretários e técnicos dos municípios para apresentação do Sistema, suas diretrizes e orientações acerca da logística da primeira avaliação do sistema público de educação do Maranhão, que terá a gestão da Seduc, com a coordenação das Unidades Regionais de Educação (UREs), coordenação municipal e na escola, e a participação de professores aplicadores.

Segundo o presidente da Undime, Joaquim Neto, cerca de 150 municípios já aderiram ao Seama. Para ele, o sistema é um marco para a educação pública maranhense. “Agrademos muito pela iniciativa do Estado. Essa ação só vai melhorar nossa educação. Vai fortalecer muito o nosso trabalho nos municípios, apoiando nossas ações”, ressaltou Neto, que também é secretário municipal de Educação de Rosário.

“Vamos ter uma visão, um diagnóstico de como estão os nossos alunos, para que possamos corrigir as dificuldades. Como é um processo amplo, vai possibilitar um retrato do desempenho dos alunos, para que possamos traçar ações para fortalecer a aprendizagem dos estudantes e garantir o direito à aprendizagem, que é dever do poder público, de todos nós”, ponderou Everton Vieira Ribeiro, coordenador municipal de Carutapera.

Maria da Glória, do município de Cajari, ressaltou os ganhos que o Seama trará para a educação pública. “É de grande valia para corrigir uma lacuna que tínhamos no Maranhão. É muito importante que o município se envolva nesse processo, uma vez que o Estado já está nos dando todo esse suporte para trabalharmos a partir do nosso município”, avaliou.

Metodologia

A primeira avaliação que será realizada no mês de junho terá 21 cadernos de prova de modelos diferenciados, baseados na Teoria da Resposta ao Item, a qual leva em consideração o grau de dificuldade da questão. Em todas as séries, serão avaliadas as disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática, sendo 44 questões para o 5º ano do Ensino Fundamental e 52 questões para o 9º ano do Ensino Fundamental e 1ª série do Ensino Médio.

Aproximadamente 280 mil estudantes participarão dos testes, sendo: 103.685 estudantes do 5º ano do Ensino Fundamental; 93.912 estudantes, do 9º ano do Ensino Fundamental, e 82.321 estudantes da 3ª série do Ensino Médio.

Polícia Militar de Bequimão prende suspeitos de assalto no povoado Vila do Meio.

Na terça-feira dia (04) por volta das 19h a Polícia Militar de Bequimão foi informada que havia ocorrido um assalto no povoado Vila do Meio, zona rural do município.

A vítima, a Sra. Rosiane Pereira teria sido abordada por dois elementos armados em uma moto e roubada a quantia de de $4.000,00 (quarto mil reais) da vítima e logo em seguida, saíram em fuga.

A Polícia Militar de Bequimão começou a fazer buscas na redondeza a fim de identificar e capturar os supostos autores do fato e na manhã de hoje quarta-feira(05) a Polícia conseguiu chegar aos suspeitos de autoria e aos supostos mentores do fato.

Sendo estes:

Os supostos autores do assalto são: Lucas Ribeiro Rodrigues (19 anos) e Vinícius Amorim Almeida (20 anos)

Benedito Mendes França (33 anos) e Evaldo Coelho Pereira (40 anos) como os supostos idealizadores do fato, já que eles sabiam que a vítima tinha realizado a retirada da quantia roubada.

Os mesmos foram detidos pela polícia Militar de Bequimão e encaminhados a Delegacia para serem tomadas as devidas providências.

Foi recuperado a quantia de $3.536,00 (três mil, quinhentos e trinta e três reais) produto do furto e apreendida a Moto Titan prata usada para realizar o assalto.

Fonte: PM-Bequimão