PÁSCOA SEM FOME: Robson Cheira e seus parceiros entregam cestas básicas para os moradores de Ramal de Quindiua e Santa Rita em Bequimão.

Na manhã desta sexta (30) as comunidades de Ramal do Quindiua e Santa Rita, consideradas como umas das comunidades mais carentes da cidade de Bequimão, receberam a comitiva de Robson Cheira com seus parceiros que uniram-se mais uma vez para levar atenção e solidariedade para quem mais precisa.

Foram doadas mais de 145 cestas básicas. Tiveram o cuidado de atendar todas as famílias e não deixar que nenhum ficasse sem receber sua cesta.

Um ato de compaixão, que levou alegria para essas comunidades tão sofridas e esquecidas pelo poder público.

“A nossa intenção aqui é proporcionar uma Páscoa mais feliz para todos os moradores destas comunidades. Só quem conhece essa realidade sabe o quanto essas pessoas precisam de ajuda e o que percebemos é que são esquecidos pelo poder público. Mas estamos aqui para poder a nossa parte e não deixar que sintam que todos os esqueceram” afirma Robso Cheira.

A felicidade estampada no rosto daquelas mães e principalmente das crianças foram os momentos mais marcantes da ação. Proporcionar pelo menos alguns dias de alegria para essas pessoas foi o mais gratificante.

Participaram dessa ação:

Nestor Júnior;

Vereador Thiago Almeida;

Sassá;

Prof. Alessandro Gonçalves;

Caio Almeida;

Júnior de Cheira;

Gordo do Quindiua;

Vagno Publicidade e

Thaylan Midia.

Um grupo unido pelo bem da nossa cidade.

SOLIDARIEDADE: Escola Carneiro de Freitas-PeriMirim promove ação da Páscoa Solidária

Em nosso contexto social, nos deparamos continuamente com situações de indiferença e insensibilidade humana. O que nos faz refletir sobre nossas atitudes diante da necessidade de cultivo e preservação da vida, criando espaços de relações saudáveis e solidárias.

Por meio deste projeto, a Escola Carneiro de Freitas pretende plantar sementes de solidariedade e sensibilidade humana, tanto em nossos educandos, quanto nas pessoas que irão partilhar conosco essas experiências.

Com o objetivo de Estimular atividades solidárias resgatando valores cristãos.

O projeto visa despertar a consciência humana, solidária e o serviço ao próximo.

Desse modo, a Escola Carneiro de Freitas situada na sede da cidade de Peri-Mirim(MA) promeu a culminância do projeto Páscoa Solidária nesta quarta (28)

No turno matituno os alunos e professores dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental realizaram apresentações sobre o tema Páscoa e finalizaram com a entrega de cestas básicas que os alunos e funcionários das escolas presentearam algumas famílias de alunos da escola.

Uma ação que envolveu a todos os funcionários da escola que não mediram esforços para a realização da ação.

No turno vespertino, ocorreu uma gincana cultural em comemoração aos 99 da cidade de Peri-Mirim.

No dia seguinte, alunos e professores foram pessoalmente realizar a entrega das cestas aos às famílias contempladas. Uma tarde bastante educativa, pois muitos alunos e professores puderam vivenciar a realidade de muitos alunos e os desafios que muitos enfrentam para continuar seus estudos.

Concurso EMAP 2018: Saiu o edital para nível médio e superior! Até R$ 8.586,00!

Edital foi divulgado nesta terça-feira (27) pelo CESPE; Inscrições abrem no dia 09 de abril

Saiu o edital. A Empresa Maranhense de Administração Portuária faz saber aos interessados a abertura de edital de concurso público (Concurso EMAP 2018) para preencher 42 vagas em cargos de níveis médio e superior. O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) tem a responsabilidade do certame.

De acordo com o edital de concurso EMAP 2018, as vagas serão destinadas aos cargos de Assistente Portuário – Área Administrativa (09 vagas), Analista Portuário I – Enfermagem (01 vaga), Analista Portuário I – Área Administrativa (09 vagas), Analista Portuário II – Comunicação (01 vaga), Analista Portuário II – Contratos (04 vagas), Analista Portuário II – Financeira e Auditoria Interna (06 vagas), Analista Portuário II – Planejamento e Controle (04 vagas), Analista Portuário II – Tecnologia da Informação (02 vagas), Analista Portuário III – Área Jurídica (01 vaga), Especialista Portuário – Arquitetura (01 vaga), Especialista Portuário – Engenharia Civil (03 vagas) e Especialista Portuário – Engenharia Mecânica (01 vaga). Do quantitativo de vagas do concurso, 5% das vagas serão reservadas para as pessoas com deficiência e 20% aos negros e pardos.

Sobre os cargos do Concurso EMAP 2018

Analista Portuário I – Área Administrativa

Requisitos: comprovação de conclusão de curso de nível superior em qualquer área de formação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Atribuições: planejar, organizar, controlar e assessorar as áreas de atuação nas questões de natureza administrativa, tais como: realização de pesquisa, emissão de pareceres, elaboração de normas e procedimentos, atendimento ao público interno e externo, acompanhamento de trâmites de processos, ações de secretariado, bem como outras atribuições afins e correlatas ao cargo de Analista Portuário I.

Analista Portuário I – Enfermagem

Requisitos: comprovação de conclusão de curso de nível superior de Enfermagem, acrescido de certificado de especialização em Enfermagem do Trabalho, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, e registro no órgão de classe.

Atribuições: elaborar e acompanhar programas de promoção de saúde; avaliar riscos; dar suporte ao médico do trabalho na elaboração do PCMSO; fazer atendimento de primeiros socorros; organizar e manter os prontuários médicos; inspecionar ambientes de trabalho com foco em saúde; auxiliar na implantação/melhoria do sistema de gestão em saúde ocupacional; realizar assistência de enfermagem em todos os aspectos de saúde ocupacional; fiscalizar a aplicação das legislações pertinentes; realizar outras atribuições correlatas ao cargo.

Analista Portuário II – Comunicação

Requisitos: comprovação de conclusão de curso de nível superior em Comunicação Social ou Publicidade, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.

Atribuições: elaborar planejamento estratégico, propostas, relatórios, produtos e serviços de comunicação; estabelecer relacionamento com a mídia realizando assessoria de imprensa; gerenciar e produzir conteúdo textual e visual para internet, intranet e demais canais de comunicação; administrar a imagem e identidade visual, garantindo o uso adequado da marca da empresa; redigir textos institucionais para diferentes públicos e canais; elaborar campanhas de comunicação interna e externa; planejar, coordenar, executar e supervisionar projetos publicitários da empresa; atuar na criação, produção e divulgação de peças e campanhas publicitárias internas e externas; promover a comunicação interna da instituição; bem como outras atribuições afins e correlatas à função.

Analista Portuário II – Contratos

Requisitos: comprovação de conclusão de curso de nível superior em Direito ou Administração, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.

Atribuições: promover a formalização de contratos e de aditivos, assegurando a observância das normas legais e regulamentares aplicáveis; analisar e emitir minutas de termos de contratos e de aditivos para formalizar contratações; elaborar ordem de serviço; dar suporte aos fiscais de contrato; conferir a regularidade processual; elaborar e emitir Termo de Referência para cessão de área ou instalação portuária; desenvolver ações de planejamento de curto, médio e longo prazo das receitas de arrendamento e monitorar os contratos celebrados, avaliar estudos de viabilidade técnica, econômica e financeira em função de novos investimentos; elaborar relatórios específicos, fiscalizar os contratos de arrendamento visando à aderência à legislação e realizar outras atribuições correlatas ao cargo.

Analista Portuário II – Financeira e Auditoria Interna

Requisitos: comprovação de conclusão de curso de nível superior em Ciências Contábeis ou Economia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.

Atribuições: processar os registros contábeis/tributários, garantindo sua conformidade com a legislação e as normas pertinentes e vigentes; efetuar a análise e conciliação das contas e o cumprimento dos prazos legais das obrigações acessórias e prestar suporte aos clientes internos e externos no que tange ao cumprimento das legislações contábeis e tributárias; analisar e executar as rotinas de movimentações e controles financeiros com movimentações de pagamentos, aplicações financeiras, fundo fixo, análise de boletins de navios e armazenamento para aplicação de tabela de tarifas e faturamento, ações de cobrança, análise de credito/risco e emissão de relatórios de controle por meio de procedimentos e práticas homologadas; prestar suporte na elaboração e acompanhamento orçamentário com participação na construção e análise de informações e estudos que tratam do desempenho e avaliação econômico? financeiros da Empresa; apoiar o processo de controle de disponibilidade financeira e geração de informações gerenciais no orçamento; executar auditorias nos processos administrativos e nas unidades organizacionais e elaborar relatórios de auditoria, identificando aderência à legislação vigente e realizar outras atribuições correlatas ao cargo.

Analista Portuário II – Planejamento e Controle

Requisitos: comprovação de conclusão de curso de nível superior em Administração ou Engenharias, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.

Atribuições: prestar assistência ao processo de manutenção do sistema de Gestão da Qualidade e Produtividade, aplicando as ferramentas apropriadas, assim como monitorando o desempenho; revisar procedimentos que integram o escopo da qualidade com base no Manual da Qualidade da empresa, mantendo a adequação entre o procedimento, normas e práticas determinadas; supervisionar o plano de manutenção para garantir a confiabilidade da infraestrutura e equipamentos; mensurar a eficiência dos serviços por meio de indicadores; acompanhar e controlar contratos vigentes; mensurar a eficiência dos serviços de manutenção; elaborar relatórios gerenciais sobre serviços e contratos de manutenção; desenvolver análises e estudos referentes à cadeia logística das demandas comerciais e operacionais, identificando a necessidade de recursos, restrições e interferências, visando segurança e produtividade no planejamento das operações e realizar outras atribuições correlatas ao cargo.

Analista Portuário II – Tecnologia da Informação

Requisitos: comprovação de conclusão de curso de nível superior em Ciências da Computação, Engenharia da Computação ou Tecnologia em Processamento de Dados, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.

Atribuições: prestar suporte técnico aos usuários dos recursos de informática; realizar as manutenções preventivas e corretivas nos equipamentos de TI; desenvolver Instalação, configuração e manutenção de servidores; planejar, configurar e monitorar redes e equipamentos de comunicação; implementar soluções computacionais, garantindo o alinhamento e atendimento às necessidades dos clientes visando à otimização de tempo e recursos da empresa e realizar outras atribuições correlatas ao cargo

Analista Portuário III – Área Jurídica

Requisitos: comprovação de conclusão de curso de nível superior em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, e registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Atribuições: atuar como advogado da empresa em qualquer esfera, prestar assessoria jurídica às atividades envolvidas nas operações portuárias e arrendamentos, regulação portuária e aquaviária, representação aos órgãos reguladores da atividade; participar de audiências; acompanhar processos junto aos Tribunais; elaborar pareceres jurídicos e peças processuais; fornecer suporte e acompanhamento aos colaboradores da EMAP em reuniões para consultoria jurídica; analisar processos licitatórios; assessorar a Empresa junto aos órgãos públicos; elaborar petições e requerimentos e realizar outras atribuições correlatas ao cargo.

Especialista Portuário – Arquiteto

Requisitos: comprovação de conclusão de curso de nível superior em Arquitetura, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, e registro no órgão de classe.

Atribuições: elaborar e liberar medições; desenvolver as atividades de elaboração de projetos conceitual, básico e executivo de arquitetura e seus complementos; acompanhar e monitorar os projetos de arquitetura/engenharia; elaborar orçamento de obras e realizar outras atribuições correlatas ao cargo.

Especialista Portuário – Engenharia Civil

Requisitos: comprovação de conclusão de curso de nível superior em Engenharia Civil, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, e registro no órgão de classe.

Atribuições: atuar na fiscalização, implantação e controle de obras; elaborar e monitorar o planejamento de obras; elaborar e liberar medições; desenvolver as atividades de elaboração de projetos conceitual, básico e executivo de Engenharia e seus complementares; acompanhar e monitorar os projetos de engenharia; elaborar orçamento de obras e realizar outras atribuições correlatas ao cargo.

Especialista Portuário – Engenharia Mecânica

Requisitos: comprovação de conclusão de curso de nível superior em Engenharia Mecânica, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, e registro no órgão de classe.

Atribuições: fiscalizar e acompanhar as atividades de manutenção mecânica, monitorando a realização das manutenções corretivas e preventivas; atuar no planejamento, fiscalização, implantação e controle de serviços de manutenção; elaborar e liberar medições; desenvolver as atividades 4 de elaboração de projetos conceitual, básico e executivo de manutenção mecânica e seus complementos; elaborar orçamento de serviços de manutenção e realizar outras atribuições correlatas ao cargo.

Assistente Portuário – Área Administrativa

Requisitos: comprovação de conclusão de curso de ensino médio (antigo segundo grau) ou curso técnico equivalente, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo órgão competente.

Atribuições: executar, acompanhar, auxiliar, protocolar e digitar trabalhos que envolvam procedimentos da área de atuação; arquivar documentos em geral; controlar materiais de expediente; atender fornecedores e clientes internos e externos; organizar e controlar processos, bem como outras atribuições afins e correlatas ao cargo de Assistente Administrativo

Inscrição Concurso EMAP 2018

Os interessados em concorrer a uma das vagas poderão se inscrever entre 10 horas do dia 09 de abril e 18 horas do dia 09 de maio de 2018, no site oficial da organizadora do concurso (www.cespe.unb.br). A taxa de inscrição custará:

R$84,00 para nível médio; e

R$127,00 para nível superior.

Provas Concurso EMAP 2018

O concurso EMAP 2018 contará com provas objetivas e discursivas, de caráter eliminatório e classificatório. As avaliações objetivas serão aplicadas no dia 24 de junho de 2018, em São Luís (MA). Os gabaritos preliminares serão divulgados no dia 27 de junho de 2018, a partir das 19 horas. O resultado está previsto para ser publicado no dia 31 de julho.

A prova objetiva contará com 120 questões envolvendo blocos de conhecimentos básicos (50) e conhecimentos específicos (70). As avaliações de ensino superior serão aplicadas no turno da manhã, enquanto as provas de ensino médio serão realizadas no turno da tarde.

A validade do concurso será de quatro meses, com possibilidade de prorrogação por igual período.

Sobre a EMAP

O Porto do Itaqui foi administrado pela Companhia Docas do Maranhão (Codomar), subordinada ao governo federal, no período de 1973 até 2001. Em 1° de fevereiro de 2001, por meio do Convênio de Delegação n° 016/00 assinado entre o Ministério dos Transportes e o Governo do Estado do Maranhão, o Porto do Itaqui passou a ser gerenciado pela Empresa Maranhense de Administração Portuária – EMAP.

A criação da EMAP proporcionou ao Itaqui um novo estágio de desenvolvimento em operação, qualidade, desenvolvimento de pessoas e oportunidade de negócios. Suas conexões com importantes ferrovias, como a Estrada de Ferro Carajás, que se interliga com a Ferrovia Norte-Sul e Transnordestina fazem do Itaqui um corredor importante para o Centro-Oeste do Brasil. São mais de 20 milhões de hectares de hinterlândia (área economicamente servida pelo porto), 2.550 km de ferrovias, 55 quilômetros de rodovias estaduais e federais a partir da BR-135.

Informações do concurso
  • Concurso: Empresa Maranhense de Administração Portuária (EMAP)
  • Banca organizadora: Cebraspe
  • Número de vagas: 42
  • Remuneração: até R$ 8.586,00
  • Inscrições: entre 10 horas do dia 09 de abril e 18 horas do dia 09 de maio de 2018
  • Taxa de Inscrição: R$84 para nível médio e R$127 para nível superior
  • Provas: 24 de junho de 2018
  • Situação: PUBLICADO

RESTAURANTE SUSHI MAIS SERÁ INAUGURADO NO BAIRRO COHATRAC COM O MELHOR DA GASTRONOMIA JAPONESA

A culinária oriental sempre agradou os gostos mais requintados e exigentes. Pensando em agradar a essa clientela que surgi o SUSHI MAIS.

Localizado em um dos bairros mais agitados de São Luís, o Cohatrac. O Sushi Mais, chega para revolucionar o ramo da culinária japonesa na capital, com um ambiente agradável e espaço kids, você já pode se sentir presenteado com essa nova opção de gastronomia.

Com a casa funcionando das 18 às 23, você se sentirá agraciado com um atendimento personalizado, um sabor inigualável e um ambiente super agradável, o Sushi Mais entra como um conceito de qualidade que você vai poder prestigiar a partir do dia 29 de Março.

TRAGÉDIA: Ônibus com a delegação da Conferência Intermunicipal de Educação de Olinda Nova sofre acidende.

A delegação de Olinda Nova sofre acidente na manha desta quarta-feira(14) durante viajem para Partivipardo Segundo dia de Conferência Intermunicipal de Educação da URE de Viana.

As fortes chuvas que ocorrem desde ontem na região foram o motivo do acidente. Muitas delegações estavam se deslocando para a cidade de Viana, mesmo com tanta chuva.

Até o momento as vítimas em estado mais grave estão sendo conduzidos para São Luís. Nenhuma morte, graças a Deus. Mas alguns com costelas, braço e perna quebrados que estão sendo conduzidos para Pinheiro.
Os dois casos mais graves Prof. Raimundo e Ana Cleide.
Todos estão sendo atendidos dois precisam ser encaminhado para São Luís.

Desse modo, A organização do evendo resolve adiar o evento sendo informadas as delegações posteriormente sobre as novas datas do encontro que vai eleger a delegação que irá particiar da COMAE 2018.

SEGURANÇA PÚBLICA: Polícia Militar de PeriMirim prende susperito de roubo de moto.

A Guarnição da Policia Militar do 10º BPM, perdeu na noite desta segunda-feira (12) no povoado Igarapé Açu na zona rural da cidade de Peri Mirim, Joelson Boas de 20 anos.

Joelson é suspeito de ter furtado uma motocicleta Honda Titan 150 de cor vinho, placa NXE – 7079 de propriedade do lavrador Neemias Andrade Leite de 37 anos.
Por volta das 20:30h a guarnição foi informada por populares do fruto da motocicleta, e que a mesma se encontrava na residência Joelson no povoado Igarapé Açu.

A guarnição se deslocou para o local e depois de várias buscas encontrou o suspeito que de imediato levou os policias até o local onde que havia escondido o veículo.

Joelson Boás, foi preso e entregue sem lesões na Delegacia Regional de Pinheiro. O veículo foi recuperado e entregue ao proprietário.

EDUCAÇÃO: Delegação do Município de Bacurituba participa da III Conferência Intermunicipal de Educação em Viana.

A III Conferência Intermunicipal de Educação da URE/Viana é uma das etapas da CONAE 2018 e visa o fortalecimento e articulação de mecanismos e instâncias plurais d3 diálogos que devem deliberar os horizontes da política educacional nacional.

A delação de Bacurituba participa do evento realizado pela URE/ Viana nos dias 13 e 14 de março que reune os 13 municípios que fazem parte dessa Unidade Regional na cidade de Viana-MA com o objetivo de avaliar o cumprimento do PPE, suas metas e estratégias, além de propor políticas e ações que visam a melhoria da educação estadual conforme a programação abaixo.

O próximo será Fórum Estadual de Educação, em regime de colaboração com as Prefeituras, Instituições Públicas e Sociais, realizará, em abril de 2018, a Conferência Maranhense de Educação (Comae 2018), que terá como foco a avaliação dos Planos de Educação (Nacional, Estadual e Municipais) e proposição de políticas educacionais para efetivação de suas metas e estratégias. A Comae 2018 tem como tema A consolidação do Sistema Nacional de Educação (SNE) e o Plano Nacional de Educação (PNE): monitoramento, avaliação e proposição de políticas para a garantia do direito à educação de qualidade social, pública, gratuita e laica”.

A Comae 2018 será precedida pelas Conferências Livres, Municipais e pelas Conferências Intermunicipais que acontecerão nas sedes das 19 Unidades Regionais de Educação do Estado, com a finalidade de cumprir as etapas preparatórias da 1ª Conferência Nacional Popular de Educação (Conape) e da 3ª Conferência Nacional de Educação (Conae), coordenadas respectivamente pelo Fórum Nacional Popular de Educação (FNPE) e pelo Fórum Nacional de Educação (FNE).

A Conae e a Conape 2018 objetivam avaliar o cumprimento do Plano Nacional de Educação e propor políticas e ações, tendo por objetivos específicos:

I – acompanhar e avaliar as deliberações da CONAE de 2014, verificar seus impactos e proceder às atualizações necessárias;

II –monitorar e avaliar a implementação do PNE, com destaque específico ao cumprimento das metas e das estratégias intermediárias, sem prescindir de uma análise global do plano e;

III –monitorar e avaliar a implementação dos planos estaduais, distrital e municipais de educação, os avanços e os desafios para as políticas públicas educacionais.

As Conferências de Educação vêm se consolidando como instrumentos democráticos de participação popular na definição da política educacional do país. Possuem um caráter mobilizador e propositivo, articulam expectativas da sociedade brasileira em relação ao direito à educação e, por meio da interação democrática entre sociedade civil e governo, promovem o debate e a construção de propostas para a definição e implementação de políticas públicas para a educação.

No Maranhão, as Conferências contribuirão para a consolidação dos processos de participação, bem como para o monitoramento e avaliação do Plano Nacional de Educação (Lei nº 13.005/14), Plano Estadual de Educação (Lei nº 10.099/14) e Planos Municipais de Educação, os quais são fundamentais para a ampliação e garantia do direito à educação pública, de qualidade social, laica e inclusiva.

Para saber mais, acesse os documentos abaixo relacionados, que foram tornados públicos com a finalidade de subsidiar os debates e discussões em âmbito Municipal e Regional. Tais discussões visam a assegurar a participação democràtica e a garantia dos direitos e conquistas previstos nos Planos de Educação do território maranhense.

Sendo asssim, as instituições do Fórum Estadual de Educação e a Secretaria de Estado da Educação, convidam a comunidade escolar e não escolar para participar deste processo, acrescentando a boniteza e alegria própria dos maranhenses, por uma educação mais digna e de impacto no desenvolvimento das metas pactuadas nos nossos Planos de Educação.

A cerimônia de lançamento das Conferências Livres, Municipais e Intermunicipais, e da Conferência Maranhense de Educação será realizada na próxima segunda-feira (13), a partir das 15h, no auditório Fernando Falcão, na Assembleia Legislativa do Maranhão.

OPORTUNIDADE: SEMED de São Bento-MA divulga Edital de Processo Seletivo para contratação temporária de Professores.

A PREFEITURA SÃO BENTO, ATRAVÉS DA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO – SEMED, TORNA PÚBLICA A CONVOCAÇÃO PARA PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA O PROVIMENTO DE VAGAS:
PROFESSORES DO ENSINO FUNDAMENTAL 1º AO 5ºANO E PROFESSORES 6º AO 9º ANO.
EDITAL Nº 001/2018
PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE SERVIDORES

BAIXAR EDITAL

VER. RAQUEL PAIXÃO(PSDB) BEQUIMÃO PARTICIPA DA FORMAÇÃO DE NOVOS AUDITORES SOCIAIS E EM DEFESA DO CONTROLE NO GASTO DOS RECURSOS PÚBLICOSO OFERECIDA PELA AB/MA, TCE.

O vento ocorreu e

ntre os dias 8 e 9 de março. A OAB Maranhão, por meio da Comissão de Direitos Difusos e Coletivos, e em parceria com o Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA) e do Ministério Público Estadual (MPE) realizou o treinamento “Controle Social na Gestão Pública – Capacitação de Conselheiros do FUNDEB e Auditores Sociais”, que tem por objetivo capacitar conselheiros do Fundeb, servidores públicos municipais, sindicalistas, vereadores e gestores, para que se tornem auditores sociais.

Para o Presidente da OAB/MA, Thiago Diaz, “é salutar que abramos as portas da Ordem para a sociedade civil organizada, mormente no que concerne à capacitação de profissionais voltados ao exercício de fiscalização e auditoria sobre recursos públicos, focando na transparência e na racionalidade de gastos, como é inerente e profilático a todas as instituições, que é uma das bandeiras que defendemos incessantemente”, ressaltou.

No dia 8 de março, o treinamento foi realizado no auditório do TCE/MA com o tema “Formação de Auditores Sociais”, pela Escola Superior de Controle Externo do TCE (ESCEX/TCE/MA) onde serão ministradas aulas de capacitação e de utilização do Portal do TCE/MA divididas em três módulos, com a previsão de capacitação de 90 auditores sociais.

“A questão do controle dos gastos públicos é de fundamental importância para a sociedade. Apresentamos a demanda, que foi prontamente acolhida pela OAB, pelo TCE e pelo MPE. Ao capacitarmos pessoas para serem auditores sociais, elas passarão a ter o poder de fiscalizar o uso de recursos em suas cidades e conhecer suas prerrogativas nessa função”, destacou o presidente da Comissão de Direitos Difusos e Coletivos da OAB/MA, Marinel Dutra.

Já no dia 9 de março, a capacitação foi no auditório da OAB Maranhão, a partir das 9h, com o tema “Formação de Conselheiros Municipais do Fundeb”. Na oportunidade haverá uma palestra do Procurador do MPE/MA sobre a “Atuação do Ministério Público Estadual na fiscalização e controle dos recursos do Fundeb”, apresentação da Lei do Fundeb com foco nas atribuições dos Conselheiros Municipais do Fundo e debates sobre o tema.

As inscriçõ foram gratuitas, não sendo exigidas quaisquer formalidades, além daquelas de acesso ao TCE e à OAB Maranhão, podendo ser efetivadas por meio de confirmação pelo telefone (98) 99971 5114 (WhastApp) ou pelo e-mail: marinel.adv@hotmail.com, com a indicação de nome completo, área de atuação e telefone para contato.

Serviço:

Organização: OAB Maranhão, Comissão de Direitos Difusos e Coletivos, TCE/MA e MPE/MA.

Evento: Controle Social na Gestão Pública – Capacitação de Conselheiros do FUNDEB e Auditores Sociais

Data: 8 de março – Tribunal de Contas do Estado do Maranhão – TCE/MA

Data: 9 de março – Auditório da OAB Maranhão

Programação:

Data: 08 de Março

Manhã

8h30 – Confirmação da inscrição na porta

9h/10h – Palavras da mesa

10h/10h30 – Conceituação transparência

10h30/11h – Apresentação do portal TCE-MA

11h/11h30 – Fundamentação de representação

11h30/12h – Ouvidoria

Tarde

14h/14h50 – 1ª turma prática para operar o portal TCE-MA

15h/15h50 – 2ª turma prática para operar o portal TCE-MA

16h/17h – 3ª turma prática para operar o portal TCE-MA

VERGONHA!! Ato realizado por funcionários que venceram ação de reintegração de posse do concurso de 2007 não ocorreu porque só compareceram 3 VEREADORES na Câmara de Bequimão.

Na manhã desta sexta-feira(09) o grupo de funcionários demitidos em 2009 e que lutam há anos por sua reintegração, haviam planejado um ATO POR JUSTIÇA que seria realizado às 10hs na Câmara de Vereadore de Bequimão.

Vergonhosamente só foram encontrados na Câmara 03 dos 09 vereadores eleitos em Bequimão.

Os vereadores que receberam o grupo foram:

Jorge Filho(PP)

Danilo Gusmão (PDT)

Fredson(PSdoB)

Os vereados reafirmaram o apoio a causa e convidou o grupo a estar presente na proxima sessão, pois irão mobilizar os demais vereadores a se empenharem em defesa dos nossos direitos e a se estender essa conversa até o Prefeito Zé Martins para que ele não recorra da decisão.

O Vereador Zeca(PRB) estava presente mais cedo, mas se retirou do local e até a presente data não justificou a sua saída.

Até então somente a Vereadora Raquel Paixão foi a única que justificou sua ausência na sessão de hoje. Pois encontra-se em São Luís em um evento. A vereadora está na luta com os funcionários realizando reuniões e vizitas ao Ministério Público no intuito de ajudar o grupo de funcionários que buscam justiça.

Os funcionários que estavam presentes reuniram-se como o vereadores e foram orientados a emitirem um ofício à presidência da Câmara para serem ouvidos na próxima sessão que será realizada no dia 16 de março.

Vejam quem são os vereadores eleitos em Bequimão no ano de 2016.

Uma luta que se estende há anos pode estar acabando. Para isso, os funcionários nomeados e empossados em 2008 e demitidos em 2009 por meio do decreto 007/2009 e que ganham mais uma vez o direito de voltarem aos seu cargos.

Essa Vitória publicada por meio da senta da AÇÃO DE AÇÃO CÍVIL PÚBLICA C/C DE ANTECIPAÇÃO DE TUTELA do processo N° 412013 de 24 de janeiro de 2018